Planejamento estratégico

A Gestão Estratégica utiliza-se do planejamento estratégico como ponto de partida para projetar no futuro uma situação ideal factível para a instituição, ou seja, um direcionamento superior que leve a ação organizacional de um estágio atual para um futuro melhor.

Com o encerramento das Eleições Gerais de 2014, o Exmo. Sr. Ministro Dias Toffoli, por intermédio da Portaria TSE nº 792, de 20 de dezembro de 2014, determinou a retomada de elaboração do Planejamento Estratégico do Tribunal Superior Eleitoral para o período de 2015 a 2020.

Logo após a publicação da portaria, os trabalhos foram iniciados, sendo realizadas três oficinas de trabalho, com a participação de todas as unidades do TSE, reuniões setoriais para definição de indicadores e metas, e muita troca de informações por e-mail. Foram consideradas informações do Planejamento Estratégico anterior, os Macrodesafios do Poder Judiciário 2015-2020, alguns planejamentos estratégicos de tribunais eleitorais e informações decorrentes do evento de Avaliação das Eleições 2014.

Desses trabalhos, resultou o novo plano estratégico do TSE, contemplando a missão e a visão de futuro, além de nove valores, três perspectivas, oito objetivos estratégicos, trinta e três indicadores estratégicos e vinte e nove iniciativas estratégicas.

Planejamento Estratégico do TSE 2015/2020 (formato PDF)

Resolução TSE n° 23.439 de 30 de março de 2015 (formato PDF)

Relatório de Acesso à Informação do TSE Programa, Projeto e Plano de Ação (formato PDF)

Gestor Responsável: Assessoria de Gestão Estratégica +