imprimir    salvar

Orçamentação de TIC

Objetivando a adoção de mecanismo formal para o planejamento e o controle das ações (incluindo capacitação) e investimentos na área de tecnologia da informação, tomando-se por base as boas práticas previstas no COBIT, bem como recomendações oriundas dos órgãos de controle externo, a STIC elaborou em 2013, proposta de fluxo de trabalho correspondente, abrangendo as seguintes etapas: diagnóstico de necessidades, elaboração da Proposta Orçamentária, priorização das ações e investimentos, planejamento das contratações de soluções de TIC e controle/encerramento.

Para o quinqüênio 2016/2020, ficou estabelecido, no Plano Estratégico de Tecnologia da Informação e Comunicação (PETIC), a Gestão do Orçamento e das Contratações como um dos focos da área de TIC, necessitando, para tanto, de aprimoramento de seus processos de planejamento e gestão dos recursos disponibilizados para a área.

Assim, a área de TIC modelou processo de trabalho contendo as fases de ELABORAÇÃO DO PLANO e GESTÃO ORÇAMENTÁRIA DE TIC (abaixo), considerando que o Tribunal já dispõe de modelo institucional abrangendo as demais etapas que envolvem o levantamento de necessidades, a elaboração/adequação da proposta orçamentária e o acompanhamento e controle da execução/encerramento (incluindo a área de TIC), objetivando garantir melhor eficiência na execução orçamentária e maior efetividade no retorno sobre os investimentos.

Links

Gestor Responsável: Gabinete da Secretaria de Tecnologia da Informação +