imprimir    salvar

Metas Nacionais

As metas nacionais do Poder Judiciário, inicialmente metas de nivelamento, foram definidas pela primeira vez no 2º Encontro Nacional do Judiciário, que aconteceu em Belo Horizonte, Minas Gerais, em 2009. Ao final do Encontro, os tribunais brasileiros traçaram 10 metas de nivelamento para o Judiciário no ano de 2009. O grande destaque foi a Meta 2, que determinou aos tribunais que identificassem e julgassem os processos judiciais mais antigos, distribuídos aos magistrados até 31.12.2005.
Com a Meta 2, o Poder Judiciário começou a se alinhar com o direito constitucional de todos os cidadãos brasileiros que estabelece a duração razoável do processo na Justiça. Foi o começo de uma luta que contagiou o Poder Judiciário do país para acabar com o estoque de processos causadores de altas taxas de congestionamento nos tribunais. Também foram definidas outras metas importantes para organizar o trabalho nos juízos e tribunais, informatizar o Judiciário e proporcionar mais transparência à sociedade.

Além da Metas Nacionais do Poder Judiciário, este Tribunal possui diversas outras metas estabelecidas em seu Planejamento Estratégico.

 

Metas do CNJ para 2016

Metas Nacionais 2016

Metas Específicas 2016

Diretriz Estratégica aprovada no 9º Encontro

 

Resultados 2016

Relatório de Metas Nacionais 2016 (Janeiro a Agosto)

 

Resultados de Anos Anteriores

Relatório de Metas Nacionais 2015

Relatório de Metas Nacionais 2014

Relatório de Metas Nacionais 2009-2013

Gestor Responsável: Assessoria de Planejamento Estratégico e Gestão +