banner sintonia

Notícias do TRE - 7 de agosto

Servidores falam sobre momentos especiais com os filhos

Só quem é pai sabe como é. Cada pequeno momento tem o seu valor, e é difícil alguém escolher aquele em que se sente mais pai. Mas foi esse o desafio que o SINTONIA lançou para os servidores do Tribunal que já são papais.

Os colegas enviaram fotos, vídeos e textos emocionantes, bem-humorados e cheios de amor. Nesta semana, você confere aqui no SINTONIA e na página do TRE no Facebook um pouco mais da vida de pai de alguns dos nossos colegas. Vamos começar?

Leôncio dos Santos, da 41ª Zona Eleitoral, de Igarapé, enviou duas fotos que representam os momentos dele com o filho, o pequeno Jonathan. E deixa a mensagem: "Antes de ser pai eu nunca segurei uma criança, só por não querer afastar meu corpo do dela".

Já André de Paulo, da 311ª Zona Eleitoral, de Vespasiano, respondeu orgulhoso: “Eu me sinto mais pai a todo momento, mesmo quando estou no trabalho”. Olhando a foto abaixo, nem precisa explicar mais nada!

(FOTO DO MOUSEPAD UTILIZADO PELO SERVIDOR, QUE TEM UMA IMAGEM DA FILHA DELE)

 

Quem conhece o Stefenson Faria, da 278ª Zona Eleitoral, de Uberlândia, sabe da história emocionante entre ele e o filho Yago. Para os que não conhecem a história de como Stefenson “deu à luz”, o SINTONIA fala sobre essa caminhada em um texto especial:

Em que momento você se sente mais pai? Essa pergunta ecoou nos últimos dias aqui no Sintonia. Mas, afinal, o que é ser pai? Pergunta difícil, com várias respostas possíveis, afinal, cada pai tem sua própria experiência. Uma coisa é certa: ser pai é uma das muitas estradas dessa viagem chamada vida.

Nosso colega Stefenson Lopes Faria, da 278ª ZE, de Uberlândia, tem uma trajetória de esperança. Apesar de não ter ficado realmente “grávido”, sabe o que é “dar à luz” e oferecer uma nova oportunidade para o filho viver.

Ele e sua esposa Ivana Guido Faria, também servidora do Tribunal, são pais de Yago. A jornada dessa família começa quando o filho, aos 17 anos, apresenta sintomas como dor de cabeça, palidez e cansaço. Após visitar médicos de diversas especialidades e nada ser encontrado, os pais levaram o jovem a um médico amigo da família, que pediu exames de sangue. A descoberta da doença não foi fácil. Stefenson estava a caminho de Belo Horizonte para fazer um curso, quando recebeu uma ligação que mudaria a vida da família para sempre: Yago precisava ser levado com urgência a um hematologista, pois o garoto estava com leucemia. A viagem ficou mais dura para continuar e a estrada parecia mais árdua. “Eu desabei a chorar. Graças a Deus, a Ivana foi bem forte e segurou o tranco, pois eu sabia só chorar”, lembra Stefenson.

Yago passou cinco meses em um hospital. Em um primeiro momento, o jovem não precisaria receber uma nova medula óssea. Porém, alguns meses depois de deixar o hospital, os sintomas da doença voltaram e seria preciso realizar o transplante. “Ansiedade, angústia, fragilidade, tristeza, e muita oração... O mundo girando e nós parados, sem saber o que fazer”, afirma Stefenson. Por recomendação médica, a família viajou para Curitiba, cidade com melhores condições para o transplante. Com cinco possíveis doadores, os médicos resolveram usar uma técnica nova de tratamento, que o plano de saúde da família ainda não cobria.

Stefenson realizou alguns exames e “graças a Deus, o resultado foi melhor que o esperado”. O pai seria o doador da medula óssea. Ele afirma que ainda não tem palavras para explicar a sensação de poder salvar a vida do filho. “Parecia que eu estava sonhando acordado. Era verdade. Eu seria o doador da medula que salvaria meu filho. Foi um milagre!”. Após o transplante, foram 100 dias de total isolamento. Yago deixava a quitinete alugada apenas para consultas médicas ou para fazer exames de sangue.

Yago (foto ao lado) se recuperou muito bem. Hoje, o jovem tem 20 anos, mora e estuda em Belo Horizonte. Mas, como “sua medula é como se fosse de uma criança, pois tem apenas dois anos, o Yago pega muito facilmente gripe e é muito alérgico. Se tem qualquer febre, nós, com muito medo, corremos para BH para cuidar dele”, conta o pai.

 Ver o filho forte e saudável novamente é o que alegra Stefenson e faz a viagem valer a pena. E isso mostra o que é ser pai: “Lembrar o tempo que passamos no hospital ainda nos causa aflição, mas é, sem dúvida alguma, um dos maiores prazeres lembrar e saber que fui eu quem doei a medula e assim consegui dar esperança para ele”. Stefenson ainda acrescenta: gostaria de “mandar uma mensagem a todos para que se cadastrem e sejam doadores de medula. Olhar nos olhos do paciente e ver a esperança brilhando é a melhor coisa que pode acontecer”.

 

E, para fechar o primeiro dia do Vida de pai, nada melhor do que um vídeo super bem humorado que representa o momento em que o André Lima, da Seção de Licitações, se sente mais pai. Veja só!

 

 

 

 

Começa numeração automática de documentos da Secretaria pelo SIAD; publicação automática adiada temporariamente

Já está em funcionamento a numeração automática, pelas áreas da Secretaria, de ofícios e ofícios-circulares externos por meio do Sistema Integrado de Atos e Documentos, o SIAD, cuja implantação oficial estava prevista para hoje.

A publicação automática de documentos na página inicial da intranet e a pesquisa de comunicações oficiais por meio do SIAD, no entanto, estão temporariamente adiadas, até que a Secretaria de Tecnologia da Informação faça os ajustes necessários para a transição do OpenCms para o SIAD. Enquanto isso, a publicação de comunicações oficiais na página inicial continuará a ser feita por meio do OpenCms.

A Coordenadoria de Gestão da Informação vai avisar, aqui no SINTONIA, quando todas as funcionalidades de publicação e pesquisa por meio do SIAD estiverem disponíveis.


Seminário sobre sustentabilidade vai discutir soluções para a administração pública

O atual momento de contingenciamento do orçamento público e contenção de gastos é muito apropriado para debater o tema sustentabilidade, que envolve, além das preocupações com o meio ambiente, a atuação social e a economia de recursos. Entre os dias 22 e 24 de agosto de 2017, esse assunto será discutido no seminário Sustentabilidade na Administração Pública, que será realizado no auditório do prédio 320.

O evento está sendo organizado pelo Ministério do Meio Ambiente e contará com a participação de representantes de diversas instituições públicas de Minas Gerais. Para a titular da Assessoria de Gestão Sustentável (Ages), Flávia Bellini, isso “nos proporcionará uma grande oportunidade de compartilharmos as boas práticas de gestão socioambiental adotadas por cada um”.

Flávia deixa ainda um recado para os servidores: “Repense, aja, contribua com a nossa evolução, mude conosco! A hora é agora, para imprimir estratégias inovadoras, no sentido de mudar os atuais padrões de produção e consumo, os objetivos econômicos e nossa inserção social e ambiental”.

As inscrições para o seminário devem ser feitas por meio do CAT, no Portal de Serviços. Confira a programação.



Mar de Espanha recebe projeto de capacitação da Corregedoria 

Na última semana, o cartório da 170ª ZE, de Mar de Espanha, recebeu a visita de uma equipe da Corregedoria do TRE, como parte do Programa de Orientação e apoio às Zonas Eleitorais, que visa capacitar melhor os chefes de cartório sem experiência no comando das ZEs. Os encontros abordam pontos como as principais operações de atendimento ao eleitor (alistamento, transferência, regularização), filiação partidária, direitos políticos, coincidências biométricas e biográficas, registro de óbitos, entre outros.

Após cada visita, os servidores da Corregedoria elaboram um relatório com propostas de ajustes a serem feitos nos procedimentos de cada ZE.

Na foto, estão o promotor Júlio Crivellari; o juiz Saulo de Freitas; o chefe de cartório, Adriano Rocha; os servidores da Corregedoria Pedro Ribeiro e Samuel Faustino; e os estagiários da 170ª ZE, Pablo Dominick e José Miguel.


 

Coopjus tem novo gerente e novos números de telefone

A partir desta segunda-feira (07), a Coopjus tem um novo gerente responsável por atender os servidores do TRE. Fábio Marques vai chefiar a equipe, que conta também com a agente de negócios Tatiane Pereira e o caixa Jossane Sant'Ana. Outra novidade são os números de telefone do posto de atendimento do prédio 320: (31) 3307-1602, 2129-8593 e 2129-8594.

A Coopjus oferece aos servidores do TRE os serviços de pagamento de contas, transações financeiras diversas, conta corrente, cartão de crédito, investimentos, empréstimos, recebimento salarial, seguros, consórcios, entre outros.

 

 

 

 

Deu no Twitter...


http://bit.ly/2wmNFvp

  

 

 

TSE institui Comissão Avaliadora para atuar no Teste Público de Segurança de 2017 

 

Na última sexta-feira (4), foi publicada a Portaria nº 565 do TSE, que instituiu a Comissão Avaliadora para atuar no Teste Público de Segurança, a ser realizado entre 28 de novembro e 1° de dezembro de 2017. De acordo com notícia do site do TSE, acadêmicos da área de Tecnologia, especialistas da área de Física, Criptografia e Engenharia, representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), do Congresso Nacional e da Polícia Federal foram convidados para fazer parte da equipe.


Mostra de cinema no Sesc Palladium 

 

Até o dia 17 de agosto, a mostra Faces do Subúrbio: Cinema e Periferia está em cartaz no Sesc Palladium (Rua Rio de Janeiro, 1046, Centro, Belo Horizonte). Os filmes se dedicam a apresentar as diversas representações do espaço periférico no cinema brasileiro, passando pelas mais diversas épocas e por diferentes gêneros cinematográficos. As sessões são diárias. Confira aprogramação.


  

Gestor Responsável: Seção de Produções Jornalísticas +