imprimir    salvar

Histórico das composições - De 1958 a 2008

1958 - 1962
O Desembargador Plínio Mariani Guerreiro foi empossado Presidente do Tribunal Regional Eleitoral em 9 de outubro de 1958. O Vice-Presidente foi o Desembargador Gilberto Lopes de Andrade; o Corregedor Regional Eleitoral, Desembargador Antônio Abílio Bensabath; os Juízes de Direito, Drs. Alibert do Amaral Batista e Ademar Raimundo da Silva; os Juristas, Drs. Renato Marques de Carvalho e João Alfredo Guimarães; e, como Procurador Regional  Eleitoral, continuou o Dr. Benício de Souza Gomes.
No biênio seguinte, o Desembargador Plínio Mariani Guerreiro foi reeleito. Permaneceram, ainda, o Vice-Presidente, o Corregedor Regional Eleitoral, o Juiz de Direito Dr. Ademar Raimundo da Silva e o Jurista Dr. João Alfredo  Guimarães. Ingressaram no Tribunal o Procurador Regional Eleitoral Dr. Amarílio de Carvalho Cavalcanti, o Juiz de Direito Dr. Arnaldo de Almeida Alcântara e o Jurista Dr. Durval Teixeira da Rocha.

1962 - 1965
Foi eleito, em 9 de outubro de 1962, Presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia o Desembargador Wilton de Oliveira e Sousa. Durante sua gestão, o Vice-Presidente foi o Desembargador Aderbal da Cunha Gonçalves, e o Corregedor Eleitoral, Desembargador Antônio de Oliveira Martins. Permaneceram, como Juiz de Direito, o Dr. Arnaldo de Almeida Alcântara e, como Jurista, o Dr. Durval Teixeira da Rocha, substituído em 9 de agosto de 1965 pelo Dr. Gilberto Valente. Continuou como Procurador Regional Eleitoral, o Dr. Amarílio de Carvalho Cavalcanti, tendo sido substituído, em 1965, pelo Dr. José Raimundo Fontes do Rego e posteriormente por Dr. Octávio de Araújo de Aragão Bulcão. Ingressaram, ainda, no Tribunal Regional Eleitoral, o Juiz de Direito Dr. Arivaldo Andrade de Oliveira e o Jurista Dr. Jayme Augusto Guimarães, sucedido pelo Dr. Newton Martins O’Dwyer.

30.12.1965 - 10.10.1966
Em virtude da saída do Desembargador Wilton de Oliveira e Sousa, assumiu a Presidência deste Tribunal o  Desembargador Aderbal da Cunha Gonçalves, deixando vaga a Vice- Presidência. Esta foi ocupada pelo  Desembargador Antônio de Oliveira Martins. O Corregedor foi o Dr. Arivaldo Andrade de Oliveira, que, eleito em 30 de dezembro de 1965, permaneceu na função até 12 de junho de 1966. A partir de 29 de agosto, atuou na  Procuradoria o Dr. Roberto Casali. Permaneceram os Juristas do biênio em curso e os Juízes de Direito Drs. Domingos Mármore Neto e Arivaldo Andrade de Oliveira, substituído em 13 de junho pelo Dr. Arthur César Costa Pinto, que também assumiu a Corregedoria.

1966 - 1970
Foi Presidente, nesse período, o Desembargador José Gomes Santos Cruz e Vice-Presidente o Desembargador Adolfo Leitão Guerra. Permaneceram nos cargos o Procurador Dr. Roberto Casali e o Corregedor Eleitoral Dr. Arthur César Costa Pinto, que foi substituído, em 19 de setembro de 1970, na função de Juiz de Direito, pelo Dr. Evandro Pereira de Andrade. Reinstituída a vaga de Juiz Federal nos Regionais, assume, a partir de 22 de maio de 1967, o Dr. Álvaro Peçanha Martins, sendo substituído, em 1969, pelo Dr. José Cândido de Carvalho.
No primeiro biênio, permaneceram os Drs. Domingos Mármore Neto, substituído posteriormente pelo Dr. João de Almeida Bulhões, e os Juristas Drs. Gilberto Valente e Newton Martins O’Dwyer, sucedidos, respectivamente, pelos Drs. Edson Freire O’Dwyer e Antônio Theodoro do Nascimento.

1970 - 1974
Elegeu-se Presidente do Tribunal Regional Eleitoral, durante o biênio 1970/1972, o Desembargador Antônio Carlos Souto. Ocupou a Vice-Presidência o Desembargador Evandro Pereira de Andrade. Permaneceram, no quadro, o Procurador Regional Eleitoral, Dr. Roberto Casali, o Juiz de Direito Dr. João de Almeida Bulhões e o Jurista Dr. Antônio Theodoro do Nascimento. A partir de 15 de junho de 1970, ocupou a vaga de Juiz de Direito o Dr. José Ribeiro de Araújo, assumindo também a Corregedoria do Tribunal. Ocupou a vaga de Juiz Federal o Dr. Antônio de Seixas Salles, e a de Jurista, o Dr. João Francisco Prisco Paraíso Neto.
No segundo biênio, foram reeleitos o Presidente e o Vice-Presidente, também permanecendo no quadro o  Procurador Regional Eleitoral, Dr. Roberto Casali, e o Juiz de Direito Dr. João de Almeida Bulhões. Assumiram como Corregedor Regional Eleitoral, Desembargador Evandro Pereira de Andrade; como Juiz de Direito, Dr. José Ribeiro de Araújo, e, como Juristas, Drs. Raimundo Paraná Ferreira e Expedito Pereira da Cruz. Em 1972, a vaga de Juiz Federal foi ocupada pelo Dr. Francisco Dias Trindade, que, a partir do ano seguinte, foi sucedido pelo Dr. José Cândido de Carvalho.

Gestor Responsável: Secretaria Judiciária +